FENAPRO lança Decálogo da Propaganda para valorização da publicidade

11 de fevereiro de 2016

12718153_1082710561749637_7135152475057874267_n

A Federação Nacional das Agências de Propaganda (FENAPRO) lançou hoje o “Decálogo da Propaganda“, um documento com vistas à valorização da publicidade e seu papel essencial no desenvolvimento do País, especialmente em tempos de crise.

Confira abaixo os dez pontos levantados na campanha:

1. Nas suas diferentes formas, é o modo mais eficaz de divulgar as melhores e instituições que oferecem serviços e produtos para consumidores;

2. Tem o fim de facilitar o sucesso das ideias que melhoram nossas vidas;

3. Fator chave de competitividade e de criação de valor para as empresas;

4. Transmite informações essenciais para tornar mais fácil a livre escolha de produtos e serviços em ambiente competitivo;

5. Sustenta os meios de comunicação que garantem a informação livre e acessível, além de entretenimento de qualidade;

6. Um dos setores mais conceituados da economia brasileira. Reconhecida por instituições globais, corporações multinacionais, competições internacionais, a propaganda brasileira está entre as três mais premiadas em competições internacionais;

7. Promove a disseminação de valores e iniciativas sociais cruciais para a igualdade, a solidariedade e o progresso social;

8. Setor econômico muito importante, capaz de movimentar a economia, direta ou indiretamente. A publicidade é um setor dinâmico no mercado de trabalho;

9. Uma das atividades mais criativas e inovadoras, com forte impacto no desenvolvimento da sociedade;

10. A indústria da propaganda brasileira está ciente de sua capacidade de influência e adota um código de conduta e comportamento socialmente responsável, com eficazes processos de autorregulação.